Das praias que conheci – Parte III

18 de julho de 2010

Janeiro de 2005.

Destino: COSTA DOS CORAIS!!!

Férias perfeitas, praias perfeitas.

Com máquina digital, carro alugado, sem nenhum hotel reservado, no melhor estilo easy rider.

Ai ai…

Tenho que deixar aqui registrado que foi nesta viagem que “conheci” Ricardo Freire e seu ponto de vista tão parecido com o meu. Foi numa revista de turismo que estava na banca do aeroporto. Muita coincidência, eu indo para aquela região e um cara falando de lá… Sei… Qual não foi nossa surpresa quando ele sugeria a visita a uma região que nós com certeza não iríamos conhecer (como todo turistão, iríamos contornar a então nomeada “Rota Ecológica”, entre Maceió e Maragogi). Deste então, sempre “consulto”-o quando quero saber alguma coisa sobre viagens. 

Descemos em Maceió, pegamos um carro (sim, a partir de então, sempre com carro) no aeroporto mesmo e fomos direto pra São José da Coroa Grande em Pernambuco, há uns 150km.

Chegando em São José da Coroa Grande

Ficamos na Pousada Oriente, beira-mar, novinha (na época), praia de cidade com amendoim cozido, queijo coalho assado, raspa-raspa e o delicioso “PICOLÉ CASEIRO CAICÓ”.

Poucas alternativas para comer, com exceção do restaurante Calamares. classe A e preços moderados.

Com a base em São José, fomos fazer minha primeira visita à Praia dos Carneiros…

Que primeira impressão…

A tradicional foto "na sombra do coqueiro"

Nós na paradisíaca Praia dos Carneiros

Carneiros by Wal

Com as dicas de Ric (intimidade é foda), entramos em Japaratinga pra descobrir um lugar quase perdido. Estrada de terra e clima de interior à beira-mar. Encontramos uma pousadinha também recém inaugurada chamada Igarakuê. Simples e limpinha, nada de mais. Não gostei muito da localização, a pousada ficava muito perto do rio e o mar ficava um pouco turvo.

No dia seguinte seguimos para São Miguel dos Milagres, do outro lado do rio.

Ficamos na Pousada da Amendoeira. Novinha. Uma delícia. Um rango delicioso (diária com meia pensão). Ótima dormida.

Espelho em Milagres

 De Milagres, fomos para Barra de São Miguel, praia linda, pena que praia de cidade. Muito cheia. Mas ficamos no melhor hotel da cidade, e no melhor quarto também. O hotel era o Village Barra, beira-mar, linda vista, quartos novos, e na cidade uma variedade enorme de comidinhas gostosas.

Modelete

Ufa!!!


Mais um fim de ano na praia

14 de janeiro de 2010

Mais uma vez fui pro já tradicional fim de ano na praia, circuito Carneiros-São Miguel dos Milagres. 

Como eram os mesmos lugares, as mesmas paisagens, praia lotada o dia todo, mais chuva que o esperado e eu estava a fim de descansar mesmo, não tirei muitas fotos esse ano… 

Foram 14 dias de Carneiros. 

Esqueminha “cevação” total, muita comida no café da manhã, muito refri nos intervalos, batata e macaxeira frita, longos períodos sem comer, jantares fartos – Beijumangas e Lagostas Metidas… 

Para piorar a  “cevação”, como geralmente chovia de manhã não teve caminhada pra diminuir os efeitos da deliciosa cartola servida no café da manhã… 

O carro só saiu do estacionamento pra ir à sorveteria e ao mercado para compra de ‘mantimentos’… 

Teve estreia de máquina na praia e eu gostei do resultado, apesar de não ter tirado muitas fotos… Hehehehehe 

E a preguiça foi tanta que não queria nem montar o tripé… Então, dá-lhe auto-retrato… 

Sombra e preguiça

Só de auto-retrato

Passada na Capela de São Benedito pra agradecer mais uma visita a Carneiros e pedir menos gente no próximo ano. 

Na Capela de São Benedito

Agradecendo pelo dia de sol...

A festa do Reveillon foi melhor e mais bem organizada que a do ano anterior. De novo no Beijupirá. A comida estava uma delícia e o goró bem servido. A única coisa ruim foi o som alto até 6h da manhã (!!!!!)… E olha que estava chovendo… Caraleoo!! 

Psycoconuts

Esperando a virada

Dia 2 de janeiro fomos pra São Miguel dos Milagres, pelo velho caminho de sempre: Tamandaré-São José da Coroa Grande-São Bento-Maragogi-Japaratinga-Porto de Pedra-Povoado do Toque… 

Eu consegui pegar uma salmonelinha de leve e foram 4 dias de rainha – no trono – regados a muita água de côco e paracetamol. 

E assim se passaram 18 dias…


O sonho acabou…

9 de janeiro de 2009

 

Acabaram-se as férias…

O sonho acabou…

E olha com o que eu estava sonhando:

Maré baixa na praia de Carneiros

Maré baixa na praia de Carneiros

Carneiros estava linda! O sol estava perfeito! A hospedagem, demais! E a cevação (ato de engorda de animais no nordeste) foi brutal!

Mas, vamos começar pelo começo…

Chegamos em Maceió às 2h da matina. Sentir aquele calorzinho nordestino foi uma sensação ótima, me senti como se chegasse em casa e recebesse um abraço quente de mãe.

Já com o pé na estrada, rumo a Carneiros

Já com o pé na estrada, rumo a Carneiros

 Saímos da locadora com nosso carrinho e fomos comprar uns “víveres”, do tipo: água, Toddynho, biscoito, iorgurte…

A estrada estava boazinha, com um trecho bem ruim de São Luís do Quitunde a Barra do Camaragibe, muitos buracos…

A rota ecológica continua linda! Com seus moradores caminhando calmamente pela estrada sem calçada, os cães dormindo em forma de bolinha em algum montinho de areia, as crianças brincando no alpendre das casas… Tudo igualzinho! Lindo!

Chegando em Porto de Pedra a balsa estava nos esperando, foi uma travessia privê:

Na balsa em Porto de Pedra

Na balsa em Porto de Pedra

Chegamos em Carneiros às 8h30 da manhã. O quartinho já estava nos esperando, prontinho e lindo como sempre. Foi só o tempo de trocar de roupa e partir pra praia.

Carneiros, apesar de continuar linda, está sendo invadida por turistas de Porto de Galinhas que vêm passar o dia. E são muitos! A maioria vai pro Bora Bora, chegamos a contar umas 200 pessoas desembarcando dos catamarãs, fora os que vão pro Bar da Prainha ou pro Arikinbar… Então, das 10h até as 3h30 tinha gente saindo pelo ladrão.

Mas não há gente neste mundo que possa acabar com uma paisagem tão linda assim:

Coqueiro fazendo charme em Carneiros

Coqueiro fazendo charme em Carneiros

Olha que pontal mais lindo!

Olha que pontal mais lindo!

Maré baixa no paraiso

Maré baixa no paraíso

Pedras do Pontal

Pedras do Pontal

E a vista do meu bungalow? Nem te conto! Só te mostro:

Era isso que eu via quando olhava da janela...

Era isso que eu via quando olhava pela janela...

E como não tinha nada pra fazer, bora tirar foto!

Felizes em Carneiros

Felizes em Carneiros

Contemplando Carneiros

Contemplando Carneiros

Contemplativa

Contemplativa

A tradicional foto "Carneiros maré baixa"

A tradicional foto "Carneiros maré baixa"

Só as 8h pra não ter ninguém...

Só as 8h pra não ter ninguém...

Mais uma da tradicional...

Mais uma da tradicional...

Wal só tem olhos pra mim...

Wal só tem olhos pra mim...

E assim se passaram 14 dias…
Dia 2, Carol e Rochinha chegaram para a nova fase da viagem: São Miguel dos Milagres em Alagoas. A viagem foi tranquila. Foram quatro dias comendo, comendo, comendo… A Pousada da Amendoeira mudou de mãos, mas não de estilo. Tudo igualzinho, até o cardápio – salvaram meu prato Oriente – e o café da manhã continua o mesmo… Meu chalezinho também estava igualzinho. Uma graça!
Nossa casa na Pousada da Amendoeira:
Nossa casa por 4 dias...

Nossa casa por 4 dias...

A flor que dá nome ao meu chalé, Alamanda:
Alamanda

Alamanda

Dia 4 fomos de bicicleta até a praia de Riacho:
Praia de Riacho, de bicicleta!

Praia de Riacho, de bicicleta!

A galera de bicicleta!

A galera de bicicleta!

E foi assim!
Tudo perfeito!
Agora é começar nova contagem regressiva para as próximas…

Carneiros – São Miguel dos Milagres

8 de janeiro de 2008

Férias de ouro no litoral nordestino.

Esquema viagem de madrugada: perde-se uma noite, ganha-se um dia.

Voo às 22h. Aeroporto em chamas!! Lembre-se que o “caos aéreo” começou em outubro. Socorro!

Descobrimos o fim da fila e … não é que o caos tinha uma certa lógica e deu tudo certo com um atraso de ‘apenas’ 50 minutos! Confirmada a escala em Salvador, no fim e com 1h30 de atraso total chegamos em Maceió às 3h.

Pegamos o carro, fomos às compritchas de itens de primeira necessidade (água, suco, toddynho, biscoito, chocolate…) e estrada! Ainda tínhamos os já conhecidos 180km de distância entre Maceió e a Praia dos Carneiros.

Ainda era noite quando saímos de Maceió. Mas o dia não tardou, no nordeste é dia claro às 4h40 e 5h o sol nasce. Revigorante ver a luz do sol depois de uma noite em claro.

O caminho é fantástico!

Litoral norte de Maceió – São Luís do Quitunde – Passo do Camaragibe – Barra do Camaragibe – São Miguel dos Milagres – Porto de Pedra – balsa – Boqueirão – Japaratinga – São Bento – Maragogi – São José da Coroa Grande – Mata do Saltinho – Tamandaré – Carneiros!!!

Ahhh que delícia! Chegamos às 8h, tomamos café da manhã e essa foi nossa recepção no quarto:

Recepção

O que poderia ser mais perfeito?

Feliz

Pecando na capela

 A tradicional foto na sombra do coqueiro

Já no segundo dia ganhamos a companhia de Lulú e Julian.

Amigos em Carneiros

E com mais 2 dias Carol e Rochinha completaram o time.

Festa no mar

Sala de estar

No Bora-bora

Fomos com a Carol e Rocha para São José da Coroa Grande para uma maré baixa nos corais.

No "pocinho"

Ahhh

E assim se passaram os dias…

Eles foram embora e ficamos eu e Wal.

Chegou o Reveillon:

Ano novo!

Fogos

Uhuuuu

Depois fomos pra São Miguel dos Milagres… Como sempre…

Choupana do mar

Contemplativa

No deck da pousada

Agora é só recomeçar a contagem regressiva, porque no fim do ano tem mais! Muuuuito mais!