Museu temático

24 de outubro de 2010
Adoro museus!

 

E tenho um jeito especial de tornar a visita a um deles ainda mais legal.

São as fotos temáticas de museu.

Essa ideia surgiu pra mim, no ano passado, quando fui pra Europa. E o tema da vez foi: BUNDAS.

As primeiras foram fotografadas em Munique. E  a estória era a seguinte: vale qualquer bunda, feminima, masculina, peluda, pelada… O importante era ser bunda.

Esta estava na frente de um museu

 

Na Pinacoteca de Munique eu fiz a festa!

Feminima

 

?

 

Esta eu acho que é uma de Rodin

 

No Louvre eu me esbaldei!

Curto muito arte greco-romana e como as esculturas estão sempre peladas, foi um delírio.

Peluda

 

De mulherzinha

 

Parece de homem

 

Bem arrebitadinha

 

De mulher

 

Este é o cofrinho da Vênus de Milus

 

Óóóóóó

 

De mulherzinha, com certeza...

Estou falando disso porque dei continuidade às minhas aventuras “bundísticas” no Met e no MoMA em Nova York e criei novos temas (céus e cabelos), que vão virar posts.

Bundinhas de ninfas

 Meu erro foi não ter tirado uma foto da descrição de cada obra, até pra eu saber do que estou falando. Isso eu só aprendi no fim da última visita a um museu.

Bunda com saquinho de nozes

Bunda no MoMA

A vida é o que fazemos dela, observar o mundo e tudo o que foi criado por outros seres humanos pode nos dar novas ideias para melhorar nossas vidas e a dos outros, por isso:   INVENTE SEU TEMA E VÁ AO MUSEU!

Anúncios

TripIt x Dopplr

11 de agosto de 2010

Agora que Nova Iorque é quase uma realidade comecei a testar os sítios e ver qual é o melhor (pra mim).

Vejamos:

Sinceramente, eu gostei mais do TripIt.

O Dopplr é uma rede social, para contar para as pessoas para onde você vai e contar como foi e deixar dicas, não dá pra planejar a viagem em si, só compartilhá-la.

Por isso, o TripIt é melhor. Lá eu posso “planejar” minha viagem, quantos dias vou ficar, por onde vou passar, colocar os voos (e ele encontra o voo e pôe até os horários), os hotéis, os passeios, isso, sim, é um “planejador” de viagens, se eu quiser compartilhar minha viagem, conto no Facebook para meus amigos.

Fiz minha escolha, me encontre no TripIt!


Viajar só faz bem

18 de abril de 2010

Bons momentos são eternos

Vi há alguns dias na internet uma reportagem sobre um estudo (se é que dá pra acreditar em “estudos”) que trata da satisfação das pessoas ao adquirir bens materiais e “experiências”, que seriam fazer viagens, passeios, ir a festas, enfim, coisas que o dinheiro paga mas que não podem ser colocadas na estante…

O texto tem essa fonte:

The relative relativity of material and experiential purchases. Carter, Travis J.; Gilovich, Thomas. Journal of Personality and Social Psychology. Vol 98(1), Jan 2010, 146-159.

Os “resultados” comprovam o que só quem viaja sabe, as pessoas são muito mais felizes quando adquirem “experiências”.

Os bens materiais são passíveis de comparação e como bons seres humanos que somos, sempre comparamos nossas posses com a dos outros. E mais, além de compararmos com as coisas dos outros, comparamos o tal bem com os demais da mesma espécie existentes, pra ter certeza que fizemos um bom negócio (e se você descobrir que existe um melhor que o seu?)… E ainda temos que guardar e manter as coisas…  Resumindo: dá muito trabalho ter coisas materias.

Jás as experiências…

Ahhhh, essas são difíceis de ser comparadas…

Experiência: cada um tem a sua!

E ainda que viajemos juntos, suas impressões vão ser diferentes das minhas. Ela vai ser ÚNICA, EXCLUSIVA e ESPECIAL!! Só sua! Tem coisa melhor do que essa? Ter uma coisa que ninguém tem? Uma coisa que vai ficar guardada pra sempre nas suas lembranças!

Adoro!

Tá certo que a viagem pode ser uma porcaria, mas ainda assim, vai ser uma porcaria só sua!!! Exclusiva! Hahahaha…

Enfim, o que vale é viajar, SEMPRE!


Ponto de vista

8 de março de 2010

Ganhei de presente de aniversário da Carol e da Carlinha uma supermáquina fotográfica manual – DIANA F.

Uma maquininha superespecial: utiliza filme de 120mm – não é encontrado aqui em Brasília, supermanual – controle bem tosco da abertura e da distância focal. E o presente ainda foi mais completo, veio com uma fantástica lente olho de peixe com 20mm.

Resultado?

Vamos conferir:

Diana F na praia de Carneiros

Coqueiral

Coqueiral

Carneiros do ponto de vista do olho de peixe

Visú

Doidêra!

Adorei o presente, adorei o resultado!

Já comprei mais filmes (via internet) pra brincar mais! Aguarde, dentro em breve – mais precisamente depois que começar a seca e o céu de Brasília ficar ainda mais lindo – fotos de Brasília…


Praia dos Carneiros – o fim do paraíso

9 de janeiro de 2010

Voltei de mais umas férias na ex-minha praia…

Ex porque ela foi tomada! Literalmente:

Agora é assim em Carneiros...

Consegue contar?

Em cima da pedra eu contei 110 pessoas… E nem tava tão lotado assim…

Onde essa pequena multidão se concentra tem uma pequena piscina que tem corais e peixes (pobres peixes)…

É gente demais.

Os catamarãs começam a chegar as 9h30 para ficar no Bora Bora, trazendo pessoas de Porto de Galinhas…

Mais um catamarã desembarcando uma multidão...

 E ainda tem os barcos do Bar da Prainha que oferecem passeios para as pessoas que estão lá…

Enfim, é gente demais.

Ficamos sabendo que teve um dia que só o Bora Bora recebeu 1000 pessoas… Sim, eu disse 1000!!

Se essa área fosse realmente uma área de preservação ambiental isso não poderia acontecer…

Meu único consolo era esperar a hora de partida dos catamarãs…


Velho Mundo – Preparativos

11 de outubro de 2009

Guias e dicionários

A viagem está chegando e meu coração já bate mais forte, o frio na barriga agora é uma constante, tá difícil dormir a noite, a ansiedade está grande e eu quase chego a sentir medo, e olhe que ainda faltam 22 dias pra eu viajar. Acompanhe minha contagem regressiva no Twitter (Twitter: um ótimo contador regressivo, por falta de utilidade melhor) https://twitter.com/morenaloira.

Mas, pra mim é como se ela fosse amanhã…

Vamos aos itens essenciais:

Passaporte: OK!

Mala: OK!

Roupas: OK, porque o resto é pra comprar lá!

Guias e dicionários: OK!

Reserva dos aviões: OK! – Berlim-Barcelona, Barcelona-Paris e Paris-Ljubljana.

Reserva dos trens: quase OK! Vou fazer os trechos Munique-Berlim e Ljubljana-Munique de trem, by Deutsche Bahn! First Class, te mete, meu bem!

Reserva dos hotéis: HOJE É DIA DE CONFERÊNCIA NA CASA CARLINHA. Vamos afinar o roteiro e definir hotéis. Amanhã, post com roteiro e hotéis definidos.

faltando o seguro-saúde, l’argent ($$$) e estou cogitando um cartão VTM de débito.

Já fiz o primeiro teste da mala. Enchi de coisas, das roupas, acessórios, nécessaire com tudo dentro, livros, casacos, toalha de banho (pra não correr o risco de ter que me secar com o lençol da cama em Paris)… Tudo deu 16,6k, contando com a mala que pesa mais de 5k, tô bem, né? Contando que posso levar para o vôo internacional duas malas de 23k cada, mas nos vôos por lá, só 20k e olhe lá!!! E se passar, paga-se de 1% a 2% do valor da passagem por cada quilo extra. Então, tem que economizar no peso da mala.


Ampliação dos horizontes

21 de setembro de 2009

Horizonte

Estou bem próxima de realizar um sonho.

Mas não é um sonhozinho qualquer. É um sonho grande. Um sonho que já tinha ocupado todo meu sótão e começava a crescer ainda mais e a se espalhar por outros cômodos do meu ser.

Vou viajar pra Europa.

Deixa eu explicar melhor:

VOU VIAJAR PRA EUROPA!!!!!

E pela primeira vez atravessar o oceano atlântico.

E pela primeira vez pisar no velho mundo.

E pela primeira vez sentir frio de verdade (é porque e o frio de São Paulo – o mais forte que eu conheço – está longe do que eu vou sentir).

E pela primeira vez mergulhar em culturas formadas há mais de 500 anos.

E pela primeira vez ser estrangeira em algum lugar.

E pela primeira vez poder sonhar que eu não tenho limites para a realização dos meus sonhos.

A isso eu chamo: ampliação dos horizontes.

Não que meu horizonte não esteja bom – está ótimo – mas é uma oportunidade única pra que ele seja ampliado. Novas experiências nos fazem crescer e ampliam nosso modo de ver o mundo e a nós mesmos inseridos neste mundo.