Guias de Nova York

4 de setembro de 2010

Essa viagem foi sonhada… Bastante sonhada.

O primeiro guia foi comprado há mais de 2 anos. Um guia visual da Publifolha, edição 2007.

Ótimo guia. A primeira parte conta a história do lugar (os índios chamavam a ilha que foi vendida aos holandeses de Man-a-hatt-ta), depois os principais pontos turísticos, arquitetônicos e culturais. Em seguida fala do ano em Nova York, médias de temperatura, chuvas e festividades.

Aí vem o guia propriamente dito, como eles dizem: “área por área”. Em cada uma das áreas é escolhida a parte principal com um mapa rua a rua. São mostradas as principais ‘atrações’, descrevendo do que se trata, se pode visitar, horários, preços e etc.

Agora a parte que o diferencia dos outros: As Indicações ao turista. Onde ficar, serviços, horários, preços, a conta, tips, comida e restaurantes.

E ainda tem o manual de sobrevivência, informações úteis sobre etiqueta, segurança, dinheiro (as moedas não têm números ou nome), como chegar e circular em Nova York (táxi, metrô, ônibus).

Finalmente o mapa da cidade, com os nomes das ruas e as principais atrações.

O segundo guia é da editora Ciranda Cultural, edição 2007.

Bem mais simplezinho (de bolso), já começa na orelha do guia com o mapa do metrô e de um pedaço de Manhattan. Dividido por cores, primeiro fala do “essencial”, principais pontos turísticos, compras.

Depois o “área por área”, que se inica com um mapa, as principais atrações, trajeto de um passeio a pé, compras, onde comer.

No final tem um “onde ficar”, “o que você precisa saber” com dicas de etiqueta e locomoção.

Sim e ainda tem um super mapinha guardado num compartimento especial. Muito bom pra levar no dia a dia.

E o terceiro e último é um guia de de passeios, também da Publifolha, edição 2009.

Este mostra dicas de passeios à pé de no máximo 5 km (sem contar as andanças para compras ou museus). Mostra os principais pontos turísticos, divididos por região.

Anúncios